CineSESC inicia 4ª Mostra Mundo Árabe de cinema na próxima terça-feira

Receita de CineSESC inicia 4ª Mostra Mundo Árabe de cinema na próxima terça-feira

A | A

A 4ª Mostra Mundo Árabe, que abre dia 31 de Agosto para convidados e  segue até o dia 13 de setembro, em quatro salas de exibição da capital. Idealizado pelo Instituto de Cultura Árabe e realizado em parceria com o SESC-SP, a Secretaria Municipal de Cultura, Casa Árabe, o evento trará, dessa vez, 13 longas e três curtas metragens. As produções são de origem libanesa, tunisiana, egípcia e iraquiana.

Para Michel Sleiman, Presidente do Instituto da Cultura Árabe, “os filmes que compõem essa 4ª Mostra são um testemunho sucinto, mas fidedigno da sobrevida da sétima arte no mundo árabe de hoje. A guerra, como não poderia deixar de ser, é de longe o tema que ocupa o horizonte do último cinema árabe. As invasões ao Iraque e ao sul do Líbano, no entanto, se são motivos para o impulso criador, não são necessariamente a matéria única desses filmes”. Um outro eixo temático também é notável:  “o da espiritualidade no terreno marco da existência: os desertos”, completa Sleiman.

Entre os longas programados estão Andarilhos do Deserto, O Colar Perdido da Pomba e Baba Aziz, dirigidos pelo tunisiano Nacer Khemir, e que compõem a Trilogia do Deserto. Soraya Smaili, diretora Cultural do Instituto de Cultura Árabe, explica a exibição dessa trinca: “Khemir é um arabista, que estuda a literatura e a poesia árabes e tem enorme apreço por sua identidade cultural e por sua origem”. O primeiro longa, Andarilhos, é de 1984 e deixa evidente toda a influência que o diretor, apesar de ter vivido parte de sua vida na França, recebeu da literatura árabe, da arte de contar estórias e de um mundo de fábulas. O filme, que contou com a colaboração da respeitada diretora tunisiana Moufida Tlatli (Silêncio do Palácio e Tempo de Espera), conquistou o Prêmio do Júri no Festival de Locarno.

O segundo longa da trilogia, O Colar, também apresenta enorme influência de As Mil e Uma Noites (obra clássica da literatura persa constituída por uma coleção de contos orientais compilados provavelmente, entre os séculos XIII e XVI) e tem como cenário uma mesquita de Alandalus, do século XI (local bastante simbólico por ter acolhido diferentes culturas). Baba Aziz, marca a abertura da Mostra Mundo Árabe (Cinesesc, dia 31, às 20h30). Esse título, que cria uma encantadora fábula, teve como co-roteirista Tonino Guerra, roteirista de filmes de grande sucesso, como Amarcord (Federico Fellini) e Blowup (Michelangelo Antonioni).

A PROGRAMAÇÃO
Os filmes (curtas e longas / documentário e ficção) serão exibidos dentro dos seguintes programas: Trilogia do Deserto (Andarilhos do Deserto, O Colar Perdido da Pomba e Baba Aziz), Outras Histórias (Sob as Bombas, Caos, A Outra e Sobre Bagdá), Mostra Especial Relatos do Iraque (Ahlaam, As Tartarugas Podem Voar, Iraque em Fragmentos, A Vida Após a Queda e Underexposure), Curtas da Escola Independente de Cinema e Televisão de Bagdá (Uma Vela para o Café Shabandar, Um Estranho em seu Próprio País e Indo Embora) e Sessão Especial (Beirute Ocidental), que encerra a mostra, no dia 13, em sessão no Esporte Clube Sírio.
 
Soraya Smaili, diretora Cultural do Instituto de Cultura Árabe, fala sobre as escolhas dos filmes: “essa seleção torna-se ainda mais interessante ao considerarmos que os diretores vêm de distintas formações, gerações e partes do mundo árabe, o que mais uma vez caracteriza a riqueza dessa magnífica miscelânea que forma a cultura árabe. Cada um dos diretores traz consigo um universo de diversidade e de visões de mundo. Além de representações da herança e do vigor cultural dos quais são originários”.
 
Haverá ainda uma homenagem a Youssef Chahine, um dos mais importantes diretores árabes, falecido em 2008. Diretor bastante premiado e que deixou um importante legado em suas obras de forte cunho social, terá dois filmes exibidos na Mostra Mundo Árabe : A Outra e Caos.

SERVIÇO
01 de Setembro a 13 de setembro

CineSESC
www.sescsp.org.br
Rua Augusta, 2075 / Cerqueira Cesar
Tel.: 3087.0500
Ingressos: R$ 4,00 (inteira), R$ 2,00 (meia-entrada) e R$ 1,00 (usuários do SESC).
 
Galeria Olido
www.galeriaolido.sp.gov.br
Avenida São João, 473 / Centro
Tel.: 3397.0158
Ingressos: R$ 3,00 (inteira) e R$ 1,50 (meia)
 
Centro Cultural São Paulo / CCSP
www.centrocultural.sp.gov.br
Sala Lima Barreto
Rua Vergueiro, 1000 / Paraíso
Tel.: 3383.3401 / 3402
Entrada franca; retirada de ingressos no local com uma hora de antecedência da sessão.
 
Esporte Clube Sírio
www.sirio.org.br
Av. Indianópolis, 1192 / Planalto Paulista
Tel.: 2189.8500
Entrada franca