A língua árabe entra na lista das 10 mais procuradas nos Estados Unidos

Receita de A língua árabe entra na lista das 10 mais procuradas nos Estados Unidos

A | A
Um acadêmico árabe afirmou que a procura pelo estudo da língua árabe nas universidades dos Estados Unidos subiu em 127% entre 2000 e 2006, somando 24 mil alunos.

Um acadêmico árabe afirmou que a procura pelo estudo da língua árabe nas universidades dos Estados Unidos subiu em 127% entre 2000 e 2006, somando 24 mil alunos. Com isso o árabe entrou na lista das 10 línguas mais procuradas no país.

A afirmação veio do professor de lingüística e Diretor do Departamento de Língua Árabe e Estudos do Islã na Universidade de Nova Iorque, Dr. Ahmed Abdullah Farhâdi, durante palestra organizada pelo Centro Emirati para Estudos Estratégicos, sob o título de "língua árabe em face de desafios."

O palestrante começou a falar sobre o inversão do equilíbrio entre dois mundos. Enquanto brilha a estrela da língua árabe na América, a mesma é esquecida em seus países de origem, em especial nos países do Golfo, onde algumas nações têm a proporção de estrangeiros muito superior aos nacionais.

Farhadi afirma haver 17 centros de Estudos do Oriente Médio que lecionam a língua árabe, que é também lecionada em 9 centros africanos no país.

Para o acadêmico, a mudança das condições políticas desde 2001, a vontade de conhecer melhor a religião e a cultura árabe, o interesse dos pesquisadores e acadêmicos em realizar estudos sobre o tema e a procura pela expansão do mercado de trabalho são os principais fatores responsáveis por esta mudança nos Estados Unidos.

Com al-Jazeera