Principal > Cultura > Notícias
Português العربية
publicidade
    Monday, November 18, 2019
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


O Adeus Ao Rei Muçulmano Do Pop

 Imprimir Arabesq | 26/06/2009 A | A
Publicidade
Consciência Jeans

Os rumores sobre a morte de Michael Jackson começaram a aparecer por volta das 13h (horário de Los Angeles), 17h em Brasília, quando uma ambulância foi chamada para socorrer o cantor em sua casa, no bairro de Bel Air, na cidade de Los Angeles. Momentos depois da chegada de Jackson ao hospital UCLA Medical Center, o site de celebridades TMZ publicou a notícia de que o cantor havia morrido. Em seguida, o jornal Los Angeles Time confirmou a informação. A morte de Jackson só foi oficialmente divulgada por volta das 15h (19h em Brasília), quando o Instituto Médico Legal da cidade confirmou a morte do ídolo pop.

O Departamento de Polícia de Los Angeles abriu uma investigação para esclarecer as circunstâncias que levaram à morte do cantor Michael Jackson nessa quinta-feira. As informações foram confirmadas pelo tenente Greg Strank.

Segundo Strank, às 13h (locais) o "rei do pop" foi levado de casa - no luxuoso bairro de Bel-Air, em Los Angeles - até um hospital e morreu oficialmente às 14h30 locais (18h30 de Brasília). "Às 16 horas (locais), o Departamento de Roubos e Homicídios da Polícia de Los Angeles ficou responsável por se ocupar do caso", acrescentou.

O detetive não quis explicar como Michael foi encontrado, nem se havia elementos que levantassem suspeitas sobre um delito ou um suicídio por abuso de medicamentos. A hipótese de uma overdose de remédios não foi descartada, especialmente depois que o advogado da família e amigo pessoal do artista, Brian Oxman, disse que estava preocupado pelos medicamentos que o "rei do pop" consumia.

A Lenda

Michael Joseph Jackson nasceu em 29 de agosto de 1958 em Gary, Indiana. Quinto filho do metalúrgico Joe Jackson, Michael mostrou seu talento para a música e para a dança muito cedo. Ele começou sua carreira nos anos 60, aos cinco anos, com o grupo Jackson 5, formado também pelos seus quatro irmãos mais velhos. Desde a pré-adolescência, quando a banda lançou os primeiros discos, o cantor se tornou uma das figuras mais conhecidas e adoradas da música norte-americana.

Ele conquistou o recorde de álbum mais vendido na história, "Thriller", de 1982, que vendeu mais de 100 milhões de cópias, e iniciou a onda de sucessos sucessivos ditando a tendência musical mundial sem barreiras ou fronteiras de toda uma geração, consolidando-se na história como o eterno rei do pop.

Mas em seguida Michael começou a chamar atenção pelo grande número de cirurgias plásticas para mudar a forma e a cor, gerando polemicas e acusações apimentadas pelas suspeitas dos seus relacionamentos com as crianças que o acompanhavam em seu rancho de fantasias “Neverland” (Terra do nunca), na Califórnia.


Michael Jackson usando roupas tradicionais femininas árabes no Bahrein

Na década de 90 surgiu o caso que abalou a carreira e a vida de Jackson. Em 1993, o cantor foi acusado de ter molestado sexualmente um menor de idade. Segundo relatos da época, Jackson fez um acordo milionário com a família da suposta vítima fora dos tribunais em 1995. Nos anos seguintes, se casaria com a filha de Elvis Presley, Lisa Marie, e com a enfermeira Debbie Rowe, mãe de dois de seus três filhos.

Sem lançar disco desde 2001, quando gravou "Invincible", nos últimos anos Jackson foi notícia graças ao julgamento pelo qual passou entre 2004 e 2005, também acusado de ter molestado um menor em 2003. Absolvido das dez acusações, logo após o julgamento o cantor passou por uma temporada de exílio no Barein, como convidado da família real do país, em reconhecimento a sua carreira. Em 2002 foi eleito o artista do século pela premiação American Music Awards.

Em março de 2009, anunciou sua volta aos palcos com uma temporada de 50 shows em Londres, que começaria em 13 de julho e seguiria até fevereiro de 2010.

A demanda pelos shows bateu todos os recordes, vendendo mais de 11 bilhetes a cada segundo, desde o inicio das vendas até o esgotamento. Segundo cálculos da Billboard, o cantor poderia levar para casa mais de 50 milhões de dólares com os shows.

Conversão ao Islamismo

Em 2008 o PopStar Michael Jackson se converteu ao islamismo e mudou seu nome para Mikaeel.

Ele teria ficado encantado com a religião muçulmana ao ouvir sobre a mesma pelo compositor canadense, David Wharnsby, e o produtor Philip Bubal, ambos convertidos anteriormente e relatavam a grande mudança nas suas vidas após assumirem o islamismo. Um Imam (religioso muçulmano) foi convocado para conduzir Jackson através da Shahada (A declaração islâmica de fé em Deus único e em Maomé como seu profeta). Na ocasião Jackson teria recusado assumir o nome de Mustafa, que significa “o escolhido” e decidiu se chamar de Mikaeel, transcrição do nome do arcanjo Miguel em árabe.

Com EFE e agências internacionais

 Imprimir

COMENTÁRIOS
 
Fatima 6/26/2009 6:24:05 PM
É com pesar que todos nós recebemos a morte deste grande astro, e que descanse em paz, acho estranho a mídia não falar da conversão dele ao islamismo, os ignorantes gostam de falar mal da religião que cada vez agrega milhões no mundo tdo, independente de raça ou cor.

Carlos Ferreira 6/28/2009 7:22:03 AM
Ele é o maior, que descanse em paz. Não acho estranho que a mídia tenha ignorado o fato dele ter se convertido ao islamismo, acharia estranho se eles tivessem falado disso.

fatima gani 7/4/2009 9:35:06 AM
a mídia sempre aborda todos acontecimentos, o sr.carlos bem o sabe disso, nao tente esconder isso, é estranho sim... Com todo o respeito... Que ele esteje num bom lugar... Bjs a todos

Carlos 7/4/2009 3:57:56 PM
Olá Fátima, se acha que elas abordam, me fala em que outro lugar vc leu sobre isso depois da morte dele. Tem notícias sobre isso da época em que ele se converteu, mas ninguém lembrou isso depois que ele morreu.

michael jackson 4/13/2011 9:43:12 AM
achei uma puta falta de sacanagem vai criar vergonha na cara seu debil mental esse michael jackson e um pedofilo tarado ainda bem que morreu.

E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq

VEJA TAMBÉM
MAIS VISTOS

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.