Principal > Cultura > Notícias
Português العربية
publicidade
    Tuesday, November 19, 2019
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


35 mil crianças palestinas ficam sem escola publica em Jerusalém

 Imprimir Arabesq | 02/09/2009 A | A
Publicidade
Consciencia Jeans

Um relatório elaborado por duas instituições de direitos humanos em Israel revelou que o Ministério da Educação do estado hebreu proibiu dezenas de milhares de estudantes palestinos da Jerusalém oriental de se matricular em escolas públicas gratuitas, apesar desse direito ser previsto pela lei israelense.

Familiares de mais de 30 mil alunos palestinos se viram forçados a colocar seus filhos em escolas particulares de alto custo, ou naquelas ligadas a igrejas e organizações islâmicas para garantir a educação dos mesmos.

O relatório, preparado pela Associação de Direitos Civis de Israel e "o General Ir Amim," afirma que 5500 alunos palestinos continuam sem opções para continuar a educação básica, o que pode prejudicar o seu futuro.

O relatório ainda destacou a situação precária da infra-estrutura de ensino em Jerusalém oriental onde há falta de mais de 1000 salas de aula em todos os níveis, e a previsão é a do crescimento desse número para 1500 até 2011.

A Suprema Corte israelense havia decretado a obrigatoriedade do Estado de ocupação de atribuir orçamento especial para construir salas de aula suprindo as necessidades em Jerusalém Orientam, mas a prefeitura israelense que administra a região tem ignorado a decisão e investido menos de 27% do necessário para a educação dos palestinos.

Com al-arabiya

 Imprimir

COMENTÁRIOS
 
luis 10/4/2009 9:06:02 PM
Sugiro, ante tanto problema, que se estude a possibilidade de existir escola virtual para certas idades ( a partir dos 10 anos ou mais, p exemplo). O Brasil tem exemplo de cursos a distância e temos uma cidade no Rio de Janeiro pioneira em uso da tecnologia de wire less para toda cidade não precisar de usar internet dependente de rede. Seria possível a nossa criatividade ante tantos desafios e problemas ? Foi assim que criamos o combustível álcool e agora vamos explorar petróleo da camada pré-sal. Quem não é criativo, fica dependente da cultura alheia. Aqui, somente é brasileiro o índio porque muitos vieram para o Brasil para lutar por dias melhores e a criatividade é a chave certa. De todo meu coração, desejo as crianças do mundo a educação pois não educadas elas serão irracionais e violentas. Quem não investe na educação de todos os povos, não pode exigir respeito e admiração.

E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq

VEJA TAMBÉM
MAIS VISTOS

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.