Principal > Cultura > Notícias
Português العربية
publicidade
    Friday, November 15, 2019
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Pesquisador palestino revela novo tratamento para Hepatite C

 Imprimir Arabesq | 02/02/2010 A | A
Publicidade
Consciencia Jeans

Novos estudos sobre tratamento de pacientes com Hepatite C podem vir a prevenir ou regredir a doença através de uma terapia de longa duração à base de peginterferon alfa-2B . Os avanços médicos foram apresentados no Encontro Anual da Associação Americana para o Estudo de Doenças do Fígado. Liderado pelo Nezam Hassan Afdhal, descendente de palestinos docente do módulo de Medicina da Escola Médica de Harvard e pesquisador do Beth Israel Deaconess Medical Center (BIDMC), o estudo apresentou resultados que apontam novos caminhos para pesquisa e adoção de métodos que podem ajudar pacientes com Hepatite C, resistentes às atuais terapêuticas utilizadas.

De acordo com Afdhal, as pesquisas mostraram que o peginterferon alfa-2B reduz em 50 por cento o risco de os doentes com Hepatite C atingirem uma fase aguda da doença (que pode traduzir-se na degradação do fígado, carcinoma hepatocelular ou morte). "Este é um tratamento paradigmático. Pela primeira vez demonstra que podemos prevenir complicações graves nas doenças de fígado", concluíu Nezam Afdhal ao Science Daily.

As conclusões do confronto dos dados recolhidos há mais de dois anos e publicados no relatório (COPILOT - Colchicine versus PEG-Intron Lon Term) parecem não deixar sombras para dúvida. Uma dose de 0.5 mcg/kg de peginterferon alfa-2B , ministrada semanalmente, foi bem tolerada pelos pacientes e poupou-os dos efeitos secundários que ocorrem na terapêutica convencional, como a anemia hemolítica.

Os pesquisadores estão já preparados para apresentar os resultados de uma segunda fase dos estudos com a adoção de um novo agente antiviral, NM283, que está a ser testado, pela primeira vez, em seres humanos. Este novo agente apresenta uma maior atividade contra o genotipo 1 da hepatite C, predominante nos Estados Unidos, Japão e Europa e cujo tratamento é particularmente complexo. O NM283 é ministrado oralmente e não por injeção como nos outros métodos de tratamento. Segundo Nezam Afdhal, este novo medicamento tem menos efeitos secundários e é a primeira classe de agentes polimerase inibidores, especialmente concebidos para bloquear a duplicação viral da Hepatite C.

 Imprimir

COMENTÁRIOS
 
silvana marcondes machado 2/4/2010 6:58:21 PM
Que DEUS ajude a esse pesquisador....

E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq

VEJA TAMBÉM
MAIS VISTOS

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.