Principal > Cultura > Notícias
Português العربية
publicidade
    Monday, November 18, 2019
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Haifa não reconhece Israel e deseja fazer parte da resistência

 Imprimir Damas Post | 26/08/2008 A | A
Publicidade
Consciencia Jeans

Após um longo período de silêncio para responder ao rumor nos últimos dias sobre o possível trabalho para o mercado de Israel através da suposta venda de seu vídeo clipe novo "Habibi Anna" produzido pela empresa “Alam Elphan”, exclusivamente, para uma empresa israelense. A cantora Haifa Wehbe negou os rumores e rejeitou categoricamente a idéia de normalização e de relacionamento comercial, já que não reconhece a existência de um país chamado Israel.

Haifa disse que perdeu um irmão vitima da invasão israelense ao Líbano em 1982, e de maneira nenhuma manteria relações com Israel que pratica atos de guerra e agressão de forma constante no Líbano.

A matéria publicada no site "Msrawi", ainda trás a informação transmitida por um dos amigos da cantora, que teria ouvido Haifa expressar a vontade de fazer parte da resistência libanesa sob comando do secretário geral do Hezbollah, Hassan Nasrallah. E teria afirmado entusiasmada "Sei que é difícil obter acesso ao Saied Nasrallah, mas vou tentar um encontro para dizer-lhe, pessoalmente, que me coloco a disposição para tudo que necessitar de mim” 

Os rumores sobre a normalização das relações comerciais da cantora com empresas israelenses, surgiram quando o site israelense “Orange” introduziu recentemente com exclusividade um novo Videoclipe de Haifa Wehbe, e anunciou o serviço de vender as imagens da cantora através do site.

 Imprimir

No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq

VEJA TAMBÉM
MAIS VISTOS

Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.