Principal > Economia > Notícias
Português العربية
publicidade
    Monday, September 23, 2019
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Exportação aos árabes cresce 5,4%

 Imprimir ANBA | 17/06/2009 A | A
Publicidade
Consciência Jeans

Os embarques do Brasil para a região renderam US$ 3,3 bilhões no período de janeiro a maio deste ano. Houve aumento nas vendas de açúcar, aviões, milho, soja, material elétrico, fumo, papel e animais.

Alexandre Rocha
ANBA*

São Paulo – As exportações do Brasil aos países árabes renderam US$ 3,3 bilhões nos primeiros cinco meses deste ano, um aumento de 5,4% em comparação com o mesmo período de 2008, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) compilados pela Câmara de Comércio Árabe Brasileira. Na mesma comparação, as exportações totais do Brasil caíram 23%.

O desempenho foi sustentado pelo crescimento das vendas de produtos como açúcar, aeronaves, milho, soja em grãos, material elétrico, farelo de soja, óleo de soja, fumo, papel e animais vivos. Houve redução nos embarques de algumas mercadorias tradicionais, como carnes, minérios, veículos e autopeças, bens de capital, produtos de ferro e aço, café e lácteos.

Os principais destinos das exportações brasileiras nos primeiros cinco meses do ano foram Arábia Saudita, Egito, Emirados Árabes Unidos, Argélia e Marrocos. Ocorreu aumento acima da média nas vendas para a Argélia (29,5%), Egito (36%), Emirados (10%), Iêmen (38%), Iraque (59%), Líbano (40,6%), Marrocos (25%), além de outros destinos menos tradicionais como Sudão, Mauritânia, Somália e Djibuti.

Em maio somente, os embarques do Brasil ao mundo árabe renderam US$ 783,6 milhões, um aumento de 0,62% em relação ao mesmo mês do ano passado.

O resultado no mês foi sustentado pelo aumento nas vendas de produtos como açúcar, aeronaves, farelo de soja, óleo de soja, café, papel e milho. Houve redução nas exportações de carnes, minérios, veículos, soja em grãos e bens de capital.

Os maiores mercados em maio foram os Emirados Árabes Unidos, Arábia Saudita, Egito, Argélia e Marrocos. Cresceram de forma expressiva os embarques aos Emirados, Argélia, Iraque, Líbano e Tunísia, além de Sudão, Mauritânia e Djibuti.

Importações

As importações brasileiras de produtos árabes somaram US$ 497,4 milhões em maio, uma queda de 50% em comparação com o mesmo mês de 2008. Ocorreu, no entanto, um aumento de 35% sobre abril deste ano.

Nos cinco primeiros meses de 2009, as compras chegaram a US$ 1,6 bilhão, uma redução de 45% sobre o mesmo período do ano passado. Petróleo e derivados são as principais mercadorias importadas pelo Brasil do mundo árabe.

*Agência de Notícias Brasil-Árabe

 Imprimir

No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq

Países Árabes
<
Arábia Saudita Argélia Bahrein Catar Djibouti
Egito Emirados Iémen Ilhas Comores Iraque
Jordania Kuwait Líbano Líbia Marrocos (em construção)
Mauritania (em construção) Omã Palestina (em construção) Síria Somália
Sudão Tunísia
VEJA TAMBÉM
MAIS VISTOS
Taxas

Moedas

Compra

Venda

Dinar Argelino

62.85

62.96

Dinar do Bahrein

0.37

0.37

Dinar Iraquiano

1,197.60

1,198.60

Dinar Jordaniano

0.70

0.701

Dinar Kuwaitiano

0.27

0.27

Dinar Líbio

1.19

1.19

Libra Sudanesa

2.05

2.06

Dinar Tunisiano

1.17

1.17

Dirham EAU

3.67

3.68

Dirham Marroquino

7.29

7.36

Franco Comorense


Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.