Principal > Economia > Notícias
Português العربية
publicidade
    Monday, November 18, 2019
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Três britânicos protagonizaram fraude de USD 501 mi em Dubai

 Imprimir Arabesq | 23/06/2009 A | A
Publicidade
Consciencia Jeans

O jornal Daily Telegraph publicou, nessa segunda-feira, a história de três britânicos que foram presos em Dubai acusados de aplicar a maior fraude na história do emirado desviando mais de 500 milhões de dólares do Dubai Islamic Bank, propriedade do Emirado de Dubai.

Os três viveram uma vida de luxo inigualável antes de acabarem na prisão Aweer em Dubai.

Um dos acusados, Ryan Cornelius, dividia o seu tempo entre o seu trabalho no domínio da energia no Bahrein e as férias intermináveis no seu hotel no Quênia, onde aproveitava a vida em seu iate de luxo particular.

Já outro acusado, Charles Ridley, que negociava bilhões em fundos como um suposto representante de um comerciante turco, tinha também iate multimilionário ancorado perto de sua casa no Bahrain, e ganhou grande reputação entre seus amigos pela comemoração de 50 anos da sua mulher, onde um dos gastos foi de 100 mil libras esterlinas trazendo jogadores britânicos veteranos de Rúgbi para jogar uma partida com seus amigos nas praias do Quênia.

Arthur Fitzwilliam o terceiro dos acusados, não ficava devendo aos seus amigos nos gastos diários. Arthur construía um hotel no deserto de Dubai que seria rodeado por cinco campos de pólo e estábulos para acomodar 800 cavalos. O valor estimado do investimento é de 1 bilhão de dólares.

Os três são acusados de fraudar e desviar USD 501 milhões do Banco Islâmico de Dubai com a ajuda de dois cúmplices paquistaneses, funcionários do banco, que receberam subornos para facilitar o uso de documentos falsificados para justificar altos empréstimos de curto prazo. As autoridades de Dubai acusaram também um empresário turco e um americano, mas ambos se encontram fora do país.

Ainda antes da crise econômica global, o Xeique Mohammed bin Rashid al-Maktoum, ordenou uma varredura no sistema financeiro e nos investimentos do emirado para evitar o mal uso da liquides financeira. O esquema foi descoberto em uma dessas varreduras.

Com a descoberta da fraude, as famílias de Cornelius e Ridley passam por circunstancias difíceis no Bahrein, a mulher de Ridley disse: “nós éramos pobres no passado, e talvez voltaremos a ficar pobres”.

Com Daily Telegraph

 Imprimir

No momento não temos comentário, entre com o primeiro comentário aqui...
E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq

Países Árabes
<
Arábia Saudita Argélia Bahrein Catar Djibouti
Egito Emirados Iémen Ilhas Comores Iraque
Jordania Kuwait Líbano Líbia Marrocos (em construção)
Mauritania (em construção) Omã Palestina (em construção) Síria Somália
Sudão Tunísia
VEJA TAMBÉM
MAIS VISTOS
Taxas

Moedas

Compra

Venda

Dinar Argelino

62.85

62.96

Dinar do Bahrein

0.37

0.37

Dinar Iraquiano

1,197.60

1,198.60

Dinar Jordaniano

0.70

0.701

Dinar Kuwaitiano

0.27

0.27

Dinar Líbio

1.19

1.19

Libra Sudanesa

2.05

2.06

Dinar Tunisiano

1.17

1.17

Dirham EAU

3.67

3.68

Dirham Marroquino

7.29

7.36

Franco Comorense


Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.