Principal > Economia > Notícias
Português العربية
publicidade
    Friday, November 22, 2019
ArabesQ
Newsletter

Receba as nossas notícias por e-mail


Abu Dhabi terá a maior planta solar do mundo

 Imprimir Arabesq | 09/06/2010 A | A
Publicidade
Consciencia Jeans

A empresa francesa “Total”, a hispânica “Abengoa” e a Emirati “Masdar” irão construir nos Emirados Árabes Unidos a maior planta de energia solar concentrada do mundo, segundo informações divulgadas pela Masdar nesta quarta-feira.

A planta de US $ 600 milhões (R$ 1.08 bi) chamada de Shams 1 (Sol em árabe) terá uma capacidade de 100 megawatts e se qualificará para créditos de carbono no âmbito do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo das Nações Unidas.

O mecanismo da ONU permite aos países em desenvolvimento vender as reduções de emissão de carbono para os países ricos que compensariam a sua contribuição negativa para a mudança climática. A planta dos EAU poderá compensar o equivalente a 175.000 toneladas de dióxido de carbono por ano.

O Chefe Executivo da Masdar, Sultan a-Jaber, afirmou que a Total e a Abengoa participarão em 20% do projeto cada. A Masar será detentora dos restantes 60%.

A construção da planta começará no terceiro trimestre deste ano e deve levar dois anos para ser concluída, informou a companhia em comunicado. A planta será erguida a 120 km a sudoeste da cidade de Abu Dhabi, em Madinat Zayed.

Shams 1 terá 768 coletores solares parabólicos fornecidos pela Abengoa, que têm vida útil de 25 anos.

Usinas de energia solar concentrada usam os raios do sol para aquecer líquidos e gerar energia pelo vapor, parecido com as usinas convencionais de gás ou carvão. Uma torre reflexiva pode ser usada para concentrar a luz solar.

Abu Dhabi espera produzir até 2020 7% da sua demanda total de energia através de fontes renováveis.

O governo dos Emirados deve subsidiar a diferença entre o custo da energia de Shams 1 e a energia convencional. O subsidio será pago às companhias de água e eletricidade de Abu Dhabi que passarão a comprar a energia produzida pela planta solar.

A demanda por energia em Abu Dhabi deve atingir 20.000 megawatts em 2020, cerca de 8.000 megawatts a mais da consumida hoje. O governo pretende explorar as fontes de energia renováveis e a energia nuclear para atender a demanda.

Masdar é uma iniciativa estatal criado por Abu Dhabi para preparar o emirado para uma industria de energia do futuro, menos dependente de petróleo e gás. Abu Dhabi faz dos Emirados o terceiro maior exportador de petróleo do mundo.

"Nós pensamos que a energia solar pode ser uma parte muito importante desse portfólio de geração, e Shams 1 é o primeiro projeto do tipo nesta região", disse Santiago Seage, presidente da Abengoa Solar. "Esperamos que outros países no Oriente Médio sigam nosso exemplo".

Masdar já está envolvido em projetos destinados a reduzir as emissões de carbono nos Emirados Árabes Unidos e no Bahrein, e visa estabelecer uma rede de captura e armazenamento de carbono nos EAU.

Este é o segundo projeto de MDL da ONU registrado por Masdar. O primeiro foi uma planta solar de 10 MW em Abu Dhabi.

A planta menor foi criada para alimentar a construção de Masdar City, uma cidade neutra em carbono a ser construída no deserto com um custo estimado de US$ 22 bilhões.

 Imprimir

COMENTÁRIOS
 
Edmundo 6/10/2010 11:17:56 AM
Até que enfim os Emirados estão tomando o rumo certo, que poderá ser um exemplo aos outros paises arabes. O deserto é uma fonte inesgotável de energia alternativa, que poderá servir ao mundo como o Petroleo. É so acreditar.

E você, o que acha disso?
*Título
*E-mail
*Nome
*Comentário
*País
Enviar
* Todos os campos são necessários, o email não será exibido junto ao comentário. Não serão aprovados comentários com conteúdo indecente, racista, desrespeitoso e que não seja relacionado ao assunto comentado.
ArabesQ não se responsabiliza pelo conteudo dos comentários.
Rádio Arabesq

Países Árabes
<
Arábia Saudita Argélia Bahrein Catar Djibouti
Egito Emirados Iémen Ilhas Comores Iraque
Jordania Kuwait Líbano Líbia Marrocos (em construção)
Mauritania (em construção) Omã Palestina (em construção) Síria Somália
Sudão Tunísia
VEJA TAMBÉM
MAIS VISTOS
Taxas

Moedas

Compra

Venda

Dinar Argelino

62.85

62.96

Dinar do Bahrein

0.37

0.37

Dinar Iraquiano

1,197.60

1,198.60

Dinar Jordaniano

0.70

0.701

Dinar Kuwaitiano

0.27

0.27

Dinar Líbio

1.19

1.19

Libra Sudanesa

2.05

2.06

Dinar Tunisiano

1.17

1.17

Dirham EAU

3.67

3.68

Dirham Marroquino

7.29

7.36

Franco Comorense


Copyright © 2009 ArabesQ, todos os direitos reservados.